A equipe da Dez Emergências é treinada para prestar atendimento em casos de urgências e emergências. Mas afinal, você sabe a diferença entre esses dois termos?

Em linhas gerais, a emergência representa uma ameaça imediata à vida do paciente, por isso, o seu atendimento ágil é fundamental para garantir um desfecho positivo para o caso. Já urgência, trata-se de uma de uma ameaça em um futuro próximo – ou seja, pode se tornar uma emergência se não solucionada. Abaixo listamos alguns exemplos de ambos os casos, confira!

Emergência: corte profundo; acidente de origem elétrica; picada ou mordida de animais peçonhentos; hemorragia; infarto do miocárdio; grave reação alérgica; febre alta persistente; convulsões; acidentes de carro, etc.

Urgência: fraturas; luxações; torções; asma brônquica em crise; transtornos psiquiátricos; dor abdominal moderada; retenção urinária (em idosos), etc.

Para esses casos, conte com uma parceria que salva vidas. Conte com a Dez Emergências!