Notícias

Fique por dentro das novidades

Doenças Respiratórias – Guia completo para prevenção e tratamento

No mundo todo, as doenças respiratórias ocupam o posto de terceira causa de morte. Afinal, todos os dias, nossas vias respiratórias estão expostas a uma grande variedade de partículas que não são visíveis a olho nu, tais como ácaro, fungo, poeira, entre outros.

É assim que surgem as incômodas doenças respiratórias, trazendo consigo sintomas desconfortáveis, como congestionamento das vias nasais, inflamações, espirros, tosse, entre outros.

Neste artigo, vamos esclarecer as principais questões envolvendo as doenças respiratórias — os tipos, as causas, os sintomas, as formas de manifestação e o tratamento adequado.

Ficou interessado no assunto? Continue a leitura!

O que são as doenças respiratórias?

As doenças respiratórias são enfermidades que atingem todo o nosso sistema respiratório e os órgãos — vias nasais, laringe, faringe, traqueia, brônquios, diafragma, pulmões e alvéolos pulmonares, causando irritações e infecções.

Muitas dessas doenças são genéticas, mas outras são causadas por fatores ambientais. Nesse caso, as mais comuns são: asma, bronquite, enfisema, tuberculose e sinusite.

Existem diferentes tipos de condições e doenças respiratórias, desde aquelas que são de fácil tratamento até as mais difíceis, consideradas crônicas — precisando de acompanhamento por um longo período de tempo.

Conhecer os problemas respiratórios é o primeiro passo para preveni-los. Portanto, procure sempre prestar atenção em todo o seu corpo e se precisar ir ao médico, não hesite! Ligue para o serviço de atendimento pré-hospitalar.

Quais são os principais problemas respiratórios?

As doenças respiratórias são comuns e a melhor forma de preveni-las é reconhecê-las. De fato, existem épocas do ano nas quais os problemas associados ao sistema respiratório se manifestam com maior incidência — sendo o inverno a principal delas. E o clima seco favorece para que as partículas fiquem espalhadas pelo ar e, consequentemente, potencializa as infecções.

Por fim, dentre as doenças mais comuns que acometem o aparelho respiratório estão:

Doenças respiratórias mais comuns

Asma

A asma é uma doença que não tem, ainda, cura. Contudo, é possível ter uma vida normal e saudável ao seguir o tratamento adequado. Inclusive, os sintomas podem desaparecer ao longo do tempo.

Além disso, é muito comum em crianças, para isso é necessário observar atentamente seus sintomas e tomar os devidos cuidados no dia a dia e, assim, seja possível ter uma vida normal e saudável, distante das crises.

Sintomas da asma

Dificuldade para respirar, além de um contínuo chiado a cada vez que a pessoa segue com seu fluxo respiratório.

Causas da asma

As causas da asma podem ser genéticas ou ambientais. Algumas pessoas já nascem com condições físicas que favorecem a asma, como uma tendência natural a apresentar os sintomas, que podem ser graves.

Já os fatores ambientais podem variar, porém estamos nos referindo à exposição a partículas de poeira, ácaros e fungos, além de variações no clima, umidade, temperaturas baixas, tempo seco, entre outros.

Tipos de asma

A asma é uma das doenças respiratórias que pode se manifestar de duas formas, a alérgica e a não alérgica.

A alérgica é desencadeada por condições ambientais, já a asma não alérgica é desencadeada pelos chamados “gatilhos”, que podem ser:

  • Estresse;
  • Secura do ar
  • Baixas temperaturas.

Bronquite

A bronquite é um problema respiratório causado pela inflamação dos brônquios — vias aéreas responsáveis por transportar o oxigênio até os pulmões. Com essa inflamação, a passagem das vias aéreas ficam mais estreitas, o que acaba por fazer com que a respiração se torne muito difícil e cansativa.

Sintomas da bronquite

Os principais sintomas da bronquite são:

  • Falta de ar;
  • Irritação na garganta;
  • Tosse com secreção;
  • Dores no peito;
  • Dificuldade para respirar.

Além disso, eles podem aparecer durante crises, geralmente associados à gripes e resfriados.

Tipos de bronquite

A bronquite é dividida em 2 tipos:

  • Bronquite aguda: processo inflamatório agudo causado por vírus, que costuma estar associado a um processo infeccioso viral ou bacteriano;
  • Bronquite crônica (conhecida como “bronquite asmática”): processo inflamatório secundário dos brônquios, geralmente ligado à poluição.

Sinusite

A sinusite consiste em uma inflamação das cavidades ósseas presentes nos seios da face — uma dor intensa localizada na região ao redor do nariz, das maçãs do rosto e dos olhos. Além disso, ela pode aparecer de maneira primária ou secundária de uma inflamação associada à gripe ou a uma alergia

Tipos de sinusite

Confira os dois tipos de sinusite e sua classificação de tempo de duração:

  • Aguda — os sintomas duram por menos de 12 semanas;
  • Crônica — os sintomas são latentes e costumam durar mais de 12 semanas.

Causas da sinusite

Os principais fatores que são causadores da sinusite são:

agentes infecciosos: bactérias, fungos e vírus;
fatores alérgicos: poeira, choque térmico, exposição a agentes químicos etc.

Sintomas da sinusite

Os sinais da sinusite são a dor intensa na face, a obstrução nasal com secreção, a diminuição ou perda do olfato, a dor de ouvido, a tosse, a garganta inflamada, as náuseas, entre outros.

Rinite

A rinite é associada a uma inflamação na parte interna do nariz. Ela pode se apresentar com coceira, dificuldade para respirar e irritação. Além disso, ela é classificada em 2 modalidades:

  • Rinite aguda — sintomas duram entre 7 a 10 dias;
  • Rinite crônica — sintomas constantes, que duram por meses.

Sintomas da rinite

Os sintomas mais observados em pacientes que apresentam rinite são coceira e ardor no nariz e nos olhos, espirros frequentes, lacrimejamento dos olhos, entupimento e coriza nasal, irritação, entre outros.

Causas da rinite

A rinite é decorrente do contato com vírus e bactérias e da exposição a alérgenos, como poeira, vírus, bactérias, ácaros, fumaça, pêlo de animais, substâncias voláteis e produtos de limpeza.

Tipos de rinite

Existem 3 tipos de rinite, tais como:

  • Rinite alérgica: reação causada devido à exposição a substâncias alérgicas;
  • Rinite não alérgica: não tem relação com o sistema imunológico;
  • Rinite mista: quando há mais de um agente causador, como bactérias e vírus.

Quais são as principais causas das doenças respiratórias?

Confira as principais causas dos problemas respiratórios mais comuns. Veja a lista abaixo:

  • Cigarro e tabagismo;
  • Genética;
  • Infecções virais;
  • Medicamentos;
  • Poluição do ar;
  • Ácaros e poeira doméstica;
  • Fungos.

Conheça a Dez Emergências e veja como ela ajuda no cuidado de doenças respiratórias

Somos uma empresa especializada em locação de ambulâncias para remoção de urgência e emergência de pacientes de baixa, média e alta complexidade. Atuamos com profissionais especializados e que recebem treinamentos constantes para que seja possível oferecer sempre o melhor atendimento pré-hospitalar.

Até breve!

Continue navegando