Notícias

Fique por dentro das novidades

profissionais enfermeiro linha de frente

Enfermeiros na linha de frente do COVID-19 e os desafios enfrentados

Essenciais no combate ao novo coronavírus, muitos enfermeiros da linha de frente, assim como médicos e outros profissionais da saúde, acabaram se contaminando. Diariamente, eles precisam enfrentar o cansaço, o medo e as rotinas exaustivas para cumprir com a missão mais desafiadora: salvar vidas. No entanto, além das homenagens, é necessário se cuidar e preservar a própria saúde para realmente valorizar o trabalho desses profissionais.

Desafios da COVID-19 para profissionais da saúde

Além de ter que manter o distanciamento com parentes para evitar a contaminação, se preservar ao máximo para não contrair a doença e ainda manter o controle durante o dia a dia exaustante da rotina hospitalar, muitas enfermeiras e enfermeiros da linha de frente enfrentaram um problema grave no início.

Alguns hospitais não possuíam equipamentos de proteção individual suficiente para o enfrentamento a pandemia. Máscaras, luvas, jalecos e o próprio álcool em gel são essenciais para proteger esses profissionais contra a doença.

No entanto, com a alta demanda de pacientes e, consequentemente, de profissionais convocados, os insumos foram muitas vezes considerados insuficientes. Alguns tiveram que reaproveitar EPIs para poder continuar na luta.

Por isso, é essencial valorizar o trabalho daqueles que se desdobram e fazem de tudo para poder garantir mais saúde para toda a população. Aqui na Dez Emergências, garantimos que todos os nossos profissionais estejam devidamente paramentados e protegidos, sempre com EPIs adequados, para a saúde deles mesmos e de todos os pacientes atendidos.

Como valorizar o trabalho de enfermeiro linha de frente?

O mais importante passo para demonstrar o apoio e valorização do trabalho desses profissionais é realizando o distanciamento social, seguindo os meios de prevenção da doença (usando máscara, lavando as mãos e utilizando o álcool em gel) e, claro, preservando a própria saúde.

Isso porque, ao realizar esses passos simples, o risco de contaminação do novo coronavírus diminui, os hospitais ficam menos cheios e esses profissionais não se sobrecarregam.

Além disso, se você possui alguém que trabalha nesse setor, demonstre o seu apoio, mantenha contato e esteja por perto, mesmo a distância. Com o estresse enfrentado e o medo diário, muitos enfermeiros enfrentam desafios da própria saúde mental para poder seguir.


O que achou do nosso artigo sobre enfermeiro linha de frente? Compartilhe porque essa informação é muito valiosa! Lembre-se que essa é uma ótima forma de estar preparado para complicações e cuidar de quem você ama. E se precisar de atendimento, conte com os planos da Dez Emergências e venha fazer parte dessa parceria que salva vidas.

Nos encontramos no próximo artigo!

Continue navegando