Notícias

Fique por dentro das novidades

Afogamento: técnicas de primeiros socorros

Primeiros Socorros para Afogamento: saiba como proceder em emergências

O verão, enfim, chegou! Com ele, muitos passeios em piscinas, praias, entre outros lugares ótimos para nos refrescar do calor intenso. Entretanto, mesmo durante esse momento de lazer, alguns acidentes podem acontecer na água. Por isso, é fundamental entender as técnicas de primeiros socorros para afogamento. Nesse artigo, nossos especialistas preparam uma explicação clara e objetiva para que você esteja preparado para realizar um atendimento pré-hospitalar. Confira!

O que acontece quando uma pessoa se afoga?

Para compreender como resolver a situação, devemos conhecer o seu impacto. Durante o afogamento, a função respiratória da pessoa é afetada por conta da entrada de água pelo nariz e boca, uma vez que a vítima não consegue sair da piscina ou mar. Portanto, se não houver o resgate rapidamente, uma complicação gravíssima é a obstrução das vias respiratórias e, consequentemente, o acúmulo de água nos pulmões.

Afogamento – técnicas de primeiros socorros

Felizmente, mesmo com a gravidade do problema, existem técnicas que podem ser aplicadas para garantir a segurança da vítima. O primeiro passo é checar se o local do afogamento não oferece riscos ao socorrista – especialmente no caso de mares e rios com bastante correnteza, ou em casos de enchentes e tumulto de pessoas. Caso o lugar não seja um risco à pessoa que assistirá a vítima, existem 7 procedimentos de primeiros socorros para afogamento que podem ser feitos:

1. Identificar o afogamento

Muitas vezes, durante a emergência, a pessoa não consegue gritar ou pedir ajuda. Por isso, o socorrista deve estar atento para verificar os sinais do acidente – como os braços estendidos e a resistência da vítima para não ficar debaixo da água.

2. Pedir ajuda

É importante também pedir auxílio de outra pessoa próxima ao local, para que ambas possam realizar o atendimento pré-hospitalar.

3. Ligar para ambulância dos bombeiros no 193

Além dos primeiros socorros, é fundamental chamar uma ambulância para garantir o atendimento completo à vítima. Se não for possível chamar pelos bombeiros, chame pelo SAMU no 192.

4. Dar um objeto flutuante para a vítima

Não pense duas vezes: disponha para a pessoa um objeto que flutue, como garrafas pets, pranchas de surf, materiais de isopor ou espumas.

5. Tente prestar o socorro sem entrar na água

Se a pessoa estiver a menos de 4 metros de distância, por exemplo, é possível estender um galho ou um cabo de vassoura. Todavia, se a distância for maior, você pode jogar uma boia com corda, mantendo-se firme na extremidade oposta. Uma dica importante: se a pessoa estiver bem próxima, não ofereça a mão para o socorro; e sim o pé. Isso porque, por nervosismo, ela pode acabar te puxando para dentro da água também.

6. Preservar a sua segurança

Essa é uma dica bem direta e simples: não entre na água se não souber nada. Caso não saiba e veja alguém se afogando, procure ajuda o mais rápido possível.

7. Avaliar a vítima ao retirá-la da água

Assim que remover a pessoa da água, verifique a sua respiração, observando os movimentos do tórax, escutando o som do ar saindo pelo nariz e sentindo o ar que sai também pelo nariz. Se ela estiver respirando, você deve posicioná-la na posição lateral de segurança até a chegada da ambulância particular ou do corpo de bombeiros.

Por outro lado, se a pessoa não estiver respirando, significa que ela ficou muito tempo submersa e pode estar com o quadro de hipoxemia – quando a pele fica roxa, ocorre perda de consciência e uma parada cardiorrespiratória. Caso isso ocorra, antes da equipe médica chegar, é fundamental iniciar o atendimento por meio da permeabilização das vias aéreas.

Gostou do nosso artigo sobre afogamento e primeiros socorros? Lembre-se que para diversão, sempre devemos nos preocupar com a segurança!

Não esqueça de curtir e compartilhar com seus amigos, mostrando a importância desses cuidados. Mensalmente, trazemos novidades da área de saúde e ambulâncias particulares para você.

Nos vemos no próximo artigo!

Continue navegando